-
Postado em 06 de Junho de 2019 às 10h04

Como proteger seu rebanho da pneumonia de forma segura e eficaz

Bovinocultura (40)

Principal causa de perdas em bovinos de corte em sistema de confinamento, as doenças respiratórias, desencadeadas pela ação dos principais agentes virais relacionados à pneumonia, estão também entre as maiores causas de mortalidade na pecuária leiteira, principalmente nas primeiras semanas de vida do animal. Fatores como transporte, mudança de ambiente e de dieta, alterações climáticas, tudo isso desencadeia estresse nos bovinos e acaba fragilizando sua imunidade. É nessa hora que os vírus agem no sistema do animal, explica Everton Carvalho, gerente técnico da Unidade de Negócios de Bovinos e Equinos da Zoetis. No confinamento, por exemplo, a ocorrência de pneumonia subclínica (sem sinais clínicos) é alta e, por isso, os animais apresentam menor desempenho, completa Carvalho.
Para estes casos, a Zoetis recomenda Inforce 3, primeira e única vacina intranasal que garante a prevenção contra as doenças respiratórias causadas por vírus sincicial bovino (BRSV), rinotraqueite infecciosa bovina (IBR) e parainfluenza (PI3).
Com apenas uma dose, Inforce 3 ativa a imunidade da mucosa, a imunidade celular e a produção de anticorpos. Diferentemente das injetáveis, esta estimula o sistema imune por meio da mucosa, que é por onde os vírus invadem primeiro. É uma vacina altamente eficaz e segura. Outra vantagem é que pode ser usada em bezerras de leite a partir do 1° dia de vida e para qualquer categoria de bovinos, diz Carvalho.

Sobre a Zoetis
Zoetis é uma companhia global líder em saúde animal, dedicada aos clientes e seus respectivos negócios. Com um legado de mais de 60 anos de história, a Zoetis descobre, desenvolve, fabrica e comercializa vacinas e medicamentos veterinários, complementados por linhas de produtos para diagnósticos, testes genéticos e diversos serviços. A Zoetis trabalha continuamente com veterinários, produtores e pessoas que criam e cuidam de animais de produção e de companhia em mais de 100 países, com cerca de 9 mil funcionários. Em 2018, obteve faturamento de US$ 5,8 bilhões de dólares. Para outras informações, acesse www.zoetis.com.br

 

Texto:

Interfuse Communications

Veja também

Pecuária de leite espera crescer cerca de 2% em 202024/01 Após fechar 2018 praticamente estagnada (crescimento de 0,5%), a pecuária de leite não tem muitos motivos para se lamentar em 2019. Mesmo não sendo um ano de grande expansão do setor (o crescimento deve fechar entre 2% e 2,5%), o preço do leite pago ao produtor terminou o ano em torno de R$1,36, o que equivale a 0,33 centavos de dólar, com o câmbio a R$ 4,06 por......
Leite - Problema causado pelo fim da taxa antidumping está resolvido13/02/19 Pelo Twitter, o presidente Jair Bolsonaro informou na tarde desta terça-feira (12), especialmente aos produtores de leite, que o governo decidiu tomar medidas para proteger o setor, que vinha se sentindo prejudicado desde semana passada, quando foi......

Voltar para EDITORIAS